quinta-feira, 17 de novembro de 2011

É sempre uma festa...


E tirarem-me da cama de manhã? Com este frio?
O namorado liga a televisão, o namorado chama-me, o namorado vai-me dizendo as horas, o namorado dá-me beijinhos e eu nada. Não é nada comigo.
Eu durmo, viro-me, cubro-me outra vez, enrolo-me, faço fita, faço de um tudo. Até ele, por fim, me conseguir acordar.
Todos os dias são uma festa.
Haja paciência. Dele comigo :) .

2 comentários:

м♥ disse...

a mim custa-me horrores à terça, que é quando me levanto mais cedo e vejo-o ficar na caminha muito confortável e quentinho...

Eva Luna disse...

Aí, quando é assim custa taaanto ter que sair M, eu compreendo :)

Flickr Images