sexta-feira, 8 de novembro de 2019

Depilação a laser: laser alexandrite ponto de situação

abs, fitness, and girl image

No início do ano comentei aqui que ia começar a fazer depilação a laser, ontem fui fazer a última sessão deste ano, por isso já posso fazer um balanço da coisa.

Fiz a meia perna, axilas e virilhas, numa de "vamos cá ver se sai alguma coisa daqui".
Neste momento tenho poucos pêlos sobreviventes, um aqui e outro ali, mas fico com a sensação que é algo temporário e que mal fique mais tempo do que o calculado até à próxima sessão e eles voltam em todo o seu esplendor, porque foi o que aconteceu quando parei no verão, mas também ainda só tinha feito 3 sessões e toda a gente diz que é preciso no mínimo 6. Agora só vou voltar a fazer em Fevereiro e então vai dar para perceber se a coisa é mais ou menos definitiva ou se é mais temporária... o meu sonho é chegar à fase de manutenção, fazer uma vez por ano e está tudo ótimo, não sei se algum dia isso vai acontecer ou se é só um ideal bonito que nos faz manter a expectativa e voltar sempre para a próxima sessão.
Faço num espaço de depilação a laser em Aveiro, mas fiquei sempre com a curiosidade de fazer na tão falada Ultimate Laser, mas que só tem espaço no Porto ou datas uma vez por mês na Figueira da Foz. Gostava de perceber o que muda entre um e o outro, se o equipamento é diferente, se a intensidade do laser é diferente, uma vez que esta última é o dobro do valor do espaço onde eu faço. Por um lado, não tenho interesse em pagar mais, por outro tenho preferia investir em algo realmente mais eficaz. Não me interessa pagar menos e estar mais tempo a fazer. A ver... a ver...

Alguém ai que já tenha feito laser com bons resultados?

segunda-feira, 4 de novembro de 2019

Ah, férias...

Resultado de imagem para axis vermar

Resultado de imagem para axis vermar

Eu e o namorado tirámos uma semana de férias.
Rumamos a norte para um hotel 4 estrelas, com uma vista incrível para o mar e em regime de tudo incluído. Acho que aprendia a viver assim :D. O hotel é o Axis Vermar, na Póvoa do Varzim, onde foram super prestáveis e o serviço foi óptimo.

Tudo a correr lindamente, tarde passada no spa, jantar no restaurante do hotel, bebidas no bar...
Claro que, como estamos a falar de nós, às 5 da manhã acabamos por ir a correr para o Hospital, com uma dor que-se-lhe-deu ao namorado. No dia seguinte estava eu a tirar uma espécie de quisto da cara onde me foram "pregados" mais 3 pontos. Já tenho mais pontos na cara do que o Paços de Ferreira no campeonato, mas tu-tu bem.

Pronto, é assim modos que já regressamos ao trabalho. Shiuuff, Axis dont miss me, i will be back!

Modo Mantas e pipocas: On!

Resultado de imagem para green book

A falta que fazem filmes bons como este.
Vimos este fim-de-semana enquanto chovia torrencialmente lá fora. 
Está oficialmente aberta a caça às mantas. :)

quarta-feira, 23 de outubro de 2019

Do casamento

Pois que o ponto de situação é este.

Habemus nova data (4 meses depois da inicial, numa das pouquíssimas datas que sobraram) na mesma quinta, uma vez que, apesar do que aconteceu, o feedback do espaço é óptimo e não conseguiríamos melhor com tão pouco tempo. Suck it Eva Luna.

A nova data não é muito consensual na família. Ora, nós os dois já ficamos para morrer com tudo isto e ainda ouvirmos comentários: "tem mesmo que ser nessa data? Mas nesse mês nós mimi", "Não podem casar na Páscoa, que assim só fazíamos uma viagem?", "Mas nessa altura calha as mimimis e não dá muito jeito"...  
Amigos, é o que dá, não conseguimos melhor, é preciso respirar bem fundo para não lhes dizermos das boas. Será que as pessoas não conseguem ter o mínimo de empatia pelos outros? Por favor...

O que aconteceu vai ficar por isso mesmo, não vamos ser indemnizados, pagar menos ou coisa que o valha. Se fossemos nós a falhar eram 2 mil euros que eles tinham do lado deles de caução, neste caso é o que é.

 Ainda não sabemos novidades da igreja.

É difícil passar de "vou casar daqui a pouco mais de meio ano" para um "vou casar quase daqui a um ano", é super injusto porque já tínhamos tudo planeado ao pormenor. Não imaginam o que é ter que ligar e ter que explicar esta trapalhada toda aos amigos, família, pessoas que estão fora e têm que comprar viagem, ao fotografo, à animação, à maquilhadora, à loja dos vestidos para alterar as provas, a tu-do, a basicamente tu-do.

Já tínhamos livro de honra com os nossos nomes e data, os suportes para a igreja com a data e as nossas iniciais, enfim trabalho e dinheiro deitado fora.

Custa, vou ser bastante sincera, ninguém merece passar por isso, mesmo que depois nos ofereçam uma ou outra coisa na quinta nada compensa este transtorno.  

segunda-feira, 14 de outubro de 2019

Casados à primeira vista 2

A única coisa que me dá uma réstia de conforto, depois deste horário de inverno que me faz chegar a casa já de noite, esta chuva que me deixa com o cabelo uma lástima, ser segunda-feira e ainda faltar muito para o fim do mês ou para a semana que temos de férias é saber que o casados à primeira vista voltou. Ufa, até que enfim algo para aquecer a alma.

Ontem vimos o primeiro programa no sofá, debaixo de uma manta e soube tão bem. Agora vou é ter que comprar pipocas para acompanhar os futuros desenvolvimentos, que me parecem bastante promissores.

Ora opiniões:
Os especialistas
Não sei bem qual a ideia de manter os mesmos especialistas, numa de "equipa que não ganha, não mexe"? Bem vistas as coisas não há ninguém que tenha resultado no primeiro programa, por isso as expectativas ficam assim poucochinhas para  o que ai vem, mas pronto. A SIC coloca isso como uma vantagem "Já somam a experiência da edição anterior", que é o mesmo que contratar um treinador que no ano passado ficou em último na tabela, mas que este ano traz a "vantagem" da experiência da primeira liga, do ano anterior. Que lucro!

Marta e Luís
Uma pessoa fica ali expectante que a coisa possa resultar. Ela é da comunicação, ele é internacional, parecem ter os mesmos objetivos, pode ser que a coisa se dê... depois vem a novidade, eles já saíram um com o outro. Ora... ora... À partida não será um grande presságio, se houvesse potencial não tinham tido só um encontro ou será que pode haver uma segunda oportunidade? Mistério... i love it!

Liliana e Pedro
"Ai apaixonei-me imediatamente, é como se já nos conhecêssemos há anos, ai que bonitos os brincos dos cristais do amor" Epá, se calhar não... já vimos como é que isto acaba com a Daniela e com o outro, certo? Outra coisa que não entendo é: se as pessoas não estão prontas para avançar para novas relações para quê é que se metem nisto? Ou para quê é que os especialistas as deixam meterem-se nisto? A liliana parece-me que vai ser a coitadinha que sofreu horrores nas mãos dos homens, mas  a mesma que depois para deitar um anel fora, que um destes trastes lhe deu, é que não, isso é que não que ela não consegue, ai por favor. Não me venham cá fazer cenas tristes à beira do mar, chorar as tristezas do passado... ou as pessoas estão prontas para se meter nisto ou não estão. É tipo uma Lídia, se há coisas para resolverem dentro delas, só vão magoar os outros. Casar com alguém a usar um anel de outro não é lá uma coisa bonita de se fazer à outra pessoa.

Inês e Hugo
Não vai demorar até a bruxa má, perdão, a irmã Ana Raquel dinamitar aquilo, não me parece que vá ser meiga, nem branda com a relação dos dois e quando souber que ele é do alentejo lá vai sair um "ai minha nossa senhora, misericórdia, pelamordedeus, aiquóhorror". Pelas outras edições em que fazem estes casamentos com irmãs, depois fica óbvio que a dinâmica passa a ser a 4, o que nunca dá resultado, mas pronto.

Ana Raquel e Paulo
"Ai valha-me nossa senhora" disse logo, sem disfarçar. Aqueles segundos explicam bem o porquê de estar solteira, mas "tutubem". Eu estava a ver isto em sofrimento, então mas alguém merece isto, logo numa primeira impressão? Se fosse um homem a dizer isto a uma mulher é porque era um estupor, um fútil, que não teve em conta os sentimentos da outra pessoa, um sei lá mais de coisas. Ela vai-lhe fazer a vida num inferno, ai coitado. Vai ser metade Lídia metade Sónia, não vai? Vai... Nada a fazer, mais valia saírem de lá e assinarem logo os papéis...
Sinto que a cada edição a produção tem que "sacrificar" alguém, está visto que a Ana não é flor que se cheire, toda a gente percebe, os especialistas também, mas se fosse só boa gente isto não rendia as mesmas audiências, né? Pronto Paulo, desta vez calhou-te a ti... "take one for the team". Coi-ta-do!

 A mãe das irmãs
Aquele "se resultar para uma não não era mau", parecia que estava a tentar despachar uma encomenda que tem estado anos lá na loja, empatada, a estorvar. Ela lá sabe o porquê da dificuldade em despachar a "mercadoria"... Sabe ela e agora sabemos nós também...

domingo, 6 de outubro de 2019

Filmes do fim-de-semana

Resultado de imagem para familia instantania

Anne Hathaway and Rebel Wilson in The Hustle (2019)

2 Comédias tal como eu gosto.
O primeiro é arrebatador, vale mesmo mesmo mesmo a pena, e a história está tão bem construída e tem um humor tão subtil mas ao mesmo tempo tão bem elaborado. Adorei. O segundo já é um filme assim levezinho, sem uma grande história por trás, mais a tentar puxar para o exagero e para a comédia, mas também fácil de ver. Se tiverem bons filmes para a troca avisem nos comentários, que nem sempre estamos a par de filmes que valham a pena. 

domingo, 29 de setembro de 2019

Globos de Ouro 2019



Lucy, redimida, está claramente farta de homens.
Não há um decote até ao umbigo, não há uma racha até ao pipi, nada?
Com um vestido que lhe faz parecer ter uma barrigita, que não tem.
É oficial a Lucy está farta de homens, por isso vai na volta vai mesmo em modos de "deslarguem-me homens, já tenho 4 filhas, parece que tenho mais 2 a caminho, pode ser que assim dê mais descanso ao meu advogado".




Inês Castelo Branco foi apanhada de surpresa, pensava que ia aterrorizar crianças no Halloween e afinal foi parar à Gala do Globos.




Eis um vestido com uma flor/pipi gigante.
Muito bonito, para quem gostar do género e de pipis, em particular.
Mas vá a  Liliana tem desculpa, que ela só anda nisto há 2 dias.




Ana Marques, não sei o que será pior... se o cabelo, se o vestido, se a clutch em formato prenda de Natal.




Cláudio Ramos, um Cervantes dos tempos modernos.




Ah, que pouca sorte!
O tecido foi logo acabar quando já faltava tão pouco para acabar o fato, epá que chatice... Nota-se que ainda descoseram a bainha para ganhar ali mais 5cms, mas mesmo assim não deu.
Deixa lá, foi quase.




Sara Matos, tudo em bom, excepto as sandálias da prima, provavelmente partiu o salto antes de chegar aos Globos e teve que arranjar uma solução à última da hora, de uma prima ou assim... 


É pena também a prima calçar 2 tamanhos abaixo...





Mariama, farta de passar fome durante a gala, que só acaba lá para a 1 da manhã, garantiu forma de levar o catering dentro do vestido, que ao mesmo tempo tem onde colocar os rissóis e os canapés.
Assim também não suja o vestido, que se cair um recheio de camarão cai dentro e ninguém nota.

sábado, 28 de setembro de 2019

Só a mim, digo-vos sinceramente...

fashion, style, and outfit image

Ainda não refeitos do drama da Igreja eis que me liga o wedding planner do espaço que reservamos para o copo de água do nosso casamento.
- "Olhe, eu não sei como lhe dizer isto... mas devido a uma falha humana marcamos 2 casamentos para o mesmo dia, o vosso foi o último a ser marcado e por isso temos que desmarcar o vosso".

Amigos, não desejo isto a ninguém.
Já tinhamos decoração personalizada com a data do casamento, já tínhamos contratado e pago parte do fotógrafo, já tínhamos reservado animação para esse dia, maquilhadora, cabeleireiro, já tínhamos contado a toda a gente para que se pudessem organizar, já tínhamos avisado a todos os que moram fora para que estivessem atentos à data e marcassem viagem para que conseguissem estar presentes.
Já tinha uma agência de viagens a fazer-nos simulações para a lua-de-mel.


                                                                                                                 Eu vou só ali morrer e já volto.


terça-feira, 24 de setembro de 2019

Daquelas coisas que só a mim #2

Resultado de imagem para just my luck 250 million year old salt

Marca-se todo um casamento em função da Quinta e da Igreja, escolhemos a Igreja que eu queria, que tinha mais significado para mim, a mais bonita, a mais memorável e tudo e tudo. Falamos com o cartório, com o padre, com a quinta e ficou tudo acertado. A Igreja fica a mais de 30kms da minha terra, mais de 90kms da do namorado, mesmo assim achamos que ia dar certo. A Quinta fica a 5 minutos de carro da Igreja.

Ao ligar ao cartório, este fim-de-semana, percebo que candidataram a Igreja a fundos para restauro e que se isso se confirmar, a Igreja vai fechar para obras e vamos ter que casar noutra, que não nos diz absolutamente nada.

Mais de 400 anos de existência e vai fechar para obras justamente no ano em que nos vamos casar, depois de já termos tudo reservado e data escolhida em função disso.

Oh, great! 
Just my luck... 

quinta-feira, 19 de setembro de 2019

Daquelas coisas que só a mim

bmw, car, and girl image

Já vos contei a luta que foi para comprarmos um carro que nos permitisse fazer longas distâncias. Ficamos fartos da CP e da Rede-Expressos e faz agora um ano que compramos um carro.
Compramos um BMW semi-novo com um ano e com meia dúzia de quilómetros. Era um carro de serviço e veio com garantia de revisão 360º, blá blá, sempre na marca e tudo mais.
Ora para comprarmos um carro desta ordem de valores o único sítio que nos pareceu viável foi diretamente na marca e supostamente com todas as garantias. Supostamente, acreditávamos nós.

Há umas semanas no meio de uma longa viagem o carro dá sinal de que a bateria está descarregada e que temos que enconstar. Ligamos com a assistência e assim que conseguimos trouxemos o carro à oficina da marca, onde constatam o seguinte: o carro comprado com um ano, tem uma bateria do ano de 2012!

Na BMW venderam-nos um carro em que antes nos trocaram a bateria por uma de 2012. Ou seja, ah e tal revisão 360º antes da entrega, garantia da marca e afinal deparamo-nos com isto.

Irónico é que ainda pagamos pela manutenção feita decorrente desta ilicitude e não nos trocaram a bateria nem tão pouco nos apresentaram uma solução que nos repare desta trapalhada toda. 

Estou com um ódio aqueles gajos, que nem os posso ver, mas que isto não fica assim não fica, até aí posso garantir. 

Vão comprar na BMW? Cuidado, aparentemente dá-vos tantas garantias como os concessionários de beira de estrada.

terça-feira, 10 de setembro de 2019

Os fotógrafos

bride, couple, and dog image

Os fotógrafos do casamento são aquele detalhe importante uma vez que vão eternizar as memórias daquele que deve ser o evento mais bonito e mais caro que algum dia vamos planear. É giro ficarmos com fotos bonitas para a posteridade, daquele que será o nosso dia.
Por outro lado, se calhar não fui bem explícita nos serviços em que pedi orçamento. Eu pedi orçamentos para o nosso casamento e recebi valores equivalentes à cobertura vídeo-fotográfica dos casamentos de Santo António, com direito a transmissão em direto na RTP1. Houve claramente um ligeiro equívoco.

Tirando o básico do básico só com filme e foto, 2500€ a 3700€ foram os valores mais comuns.

Tudo neste negócio é um extra. O drone, o video no dia, a sessão de solteiros, a sessão do trash de dress e mil e outras coisas mais, de modos que é difícil fazer a festa por menos de 2000€. Retiramos uma data de coisas, como tela, mini-álbuns, sessão antes e depois, para vermos se a coisa parece mais razoável.

Já contratamos os ditos, não tenho a certeza se serão os melhores dos melhores, mas sei que também não estou disposta a dar 3400€, como uns colegas nossos estão a ponderar dar. Sorry! Acho que passa também por nós explicarmos como queremos que as coisas sejam feitas, eles também não adivinham aquilo que gostamos, como gostamos, esperamos encontrar um meio termo.

segunda-feira, 9 de setembro de 2019

Sobre a morte do Eduardo Beaute

Eu compreendo as pessoas que queiram colocar um ponto final nas suas vidas. Respeito. Viver deveria ser uma opção de escolha e escolha digna.
Para além disso, considero que muitas pessoas que andam neste planeta a fazer mal aos outros, a matar pessoas, a provocar incêndios ou outras patifarias faziam um favor ao mundo se se matassem e deixassem os outros viver em paz. Esta história dos bombeiros que morrem por causa de  pessoas que não andam a fazer cá nada de bom deixa-me doente, saber que inocentes morrem, que filhos ficam sem pais por causa de certos filhos de uma 4"$% que nem deviam ter nascido e que se não estivessem cá o mundo era um sítio melhor. 

Aparentemente não foi suicídio, como achava que teria sido. Ainda assim, esta morte vai deixar uma marca permanente em crianças que já tinham sido abandonadas uma primeira vez. Acho que é de cortar o coração pensar nas crianças e na sua história de vida e perceber que ficaram, uma vez mais, sozinhas.  

sexta-feira, 6 de setembro de 2019

Vestidos de noiva baratinhos, low cost

Ora a pedido da Andreia Pereira nos comentários, eis os resultados da minha pesquisa para quem quer ter um vestido de noiva que seja necessário vender um rim:

Porto e Lisboa 
Loja Amour Glamour, os preços mínimos que vi foi 1200€ (na loja do Porto), disponibilizam vender o stock já existente de colecções passadas com um desconto simpático, mas este foi o valor mínimo já com desconto. É esta loja que veste os noivos de Santo António. Tem opções de longe bem mais acessíveis que Rosa Clará ou Pronovias, por exemplo, e o atendimento é muito bom (pelo menos no Porto).

Loja Pretty Bunnies,  a partir de manhã estão com stock off  na loja de Gaia (Vestidos desde 190€ até 470€), têm lojas também na Expo, Coimbra, por exemplo. Eis alguns exemplos que colocaram nas redes sociais:


Braga

Loja Noiva Imperial, com vestidos desde 650€ (até 1 de Janeiro têm vestidos a 450€, como estes dois exemplos, de entre vários que têm no site)


Quem é amiga? Quem é? :)

*Quem souber de mais lojas com preços fofinhos é favor dizer que isto temos que ser uns para os outros :D

domingo, 1 de setembro de 2019

O vestido

          wedding, dress, and wedding dress image

No dia em que fui pedida em casamento tinha ido ver vestidos de noiva para uma amiga para um casamento em que sou dama de honor (great! já não bastava as despesas do meu próprio casamento).
Fomos às lojas do Porto e foi tudo de 2000€ para cima. Disse à outra amiga que estava connosco que nunca ia dar 2500€ por um vestido, tipo n-u-n-c-a.
Pois que é sempre mais fácil falar quando não é connosco, pois que agora é comigo e até podia ter mudado de ideais, mas mantenho o que disse. Jovens eu sou alta e magra, vai haver alguma coisa que me fique bem por muito menos dinheiro, vamos acreditar. Façam figas.

Por um lado, é o dia e vestido mais especial quiçá de uma vida, contudo não deixa de ser um só dia.
Tenho que fazer a ressalva de que os vestidos são lindíssimos, é facto, é quase impossível não se parecer fenomenal num Pronovias ou Rosa Clará, mas se a vida fosse apenas viver incrivelmente ou ter coisas fantásticas tínhamos todos uma ilha privada no Pacífico.
O vestido é algo muito importante, contudo não considero ao ponto de dar 2000€ por um. Se tivesse meio milhão na conta aí sim, escolhia sem olhar a preço, não sendo o caso tenho que escolher algo proporcional à minha realidade.

Se tivesse que aconselhar alguém diria: "Escolhe o que mais gostares, é só uma vez na vida."
De mim para mim não consigo pôr isso em prática, já experimentei vestidos de 1500€ e não achei fantásticos e em parte devido ao preço, porque sei me ficavam bem.

Eu própria já fui ver vestidos com a minha mãe, experimentei para aí uns 12, e fiquei super confusa. Não achei que ia ser assim. Vestia um atrás de outro e dizia sempre "ok, gosto" mas em nenhum senti que tinha que ser aquele, aquela cena do "tal vestido". Sei que todos me ficavam lindamente mas acho que o valor também pesou no sentimento, pareceram-me todos só mais um vestido e que é difícil dar 1500€ por algo que me pareceu "só um vestido bonito". Vamos ver.

sexta-feira, 30 de agosto de 2019

Angelo Rodrigues

tattoo, boy, and Hot image

Infelizmente não é novidade para mim, que estou na área da saúde, que muitos homens tomam injeções no rabinho para ficarem do tamanho não de um armário, mas de um closet T3. Maior parte esconde na minha consulta, outros falam-me abertamente sobre isso. Não concordo, mas tenho que "respeitar" as decisões de cada um.

Olhando para as fotos do Angelo é difícil acreditar que aquela pessoa, giro que dói, vai ter que lidar, para sempre, com as consequências desta situação. Dá pena, por perceber que uma vida irá ficar condicionada para sempre, a falência dos rins, o risco de paragem cardíaca, enfim, é mesmo triste.

Os efeitos secundários são comuns, mas dificilmente com esta severidade. Borbulhas nas costas, vermelhidão nos ombros são assim os efeitos visualmente mais frequentes. Pois que agora ao falar-se de operações para retirar o músculo e tecido morto em várias zonas do corpo, hemodiálise e afins, pode ser que as pessoas percebam que há riscos e que estes riscos não compensam as belíssimas fotos de instagram que podem tirar ao tomar estas coisas.

Não sejamos hipócritas... todos queremos fotos bonitas e estar no nosso melhor, mas a aplicação de testosterona e afins sem supervisão médica é criminosa devido ao risco associado, como aliás agora as pessoas podem perceber. De certeza que não foi ele que aplicou, teve que ser outra pessoa, que agora se deve estar a sentir lindamente e que pode ser implicada criminalmente... Muitas das vezes causa outros efeitos como alteração da fertilidade, uma vez que há uma fonte exógena de testosterona que altera a produção do próprio corpo. É perigoso e eventualmente fatal, mas o que vemos nestes modelos e atores (homens, mas também mulheres) é saúde e mais saúde e invejamos o seu aspecto físico, o que pode levar os comuns mortais a sentirem-se, muitas vezes, aquém daqueles ideais de beleza, que não são normais e há uma razão para não o serem. Há uma banalização destas situações, é um facto, não dá para negar e se conhecem alguém que da noite para o dia ficou tipo Popeye o mais certo é ter-se rendido à facilidade deste procedimento, mas agora torna-se evidente que o risco é muito alto...

Resta lamentarmos e esperarmos as suas melhoras, todos os procedimentos têm riscos mas se estamos a falar de algo que não pode ser aplicado por um médico, de acordo com a real finalidade... então não vale a pena arriscar.  

segunda-feira, 26 de agosto de 2019

Como planear um casamento de forretas?

Nós somos poupados. Somos que somos, nada a fazer. Os dois em igual modo.

De modos que custa um bocadinho planear um casamento quando se é assim, porque tudo é muito caro e temos a clara noção de que é só um dia. Felizmente não temos um "limite orçamental" definido, felizmente conseguimos estar confortáveis nesse aspecto e, apesar de já termos quinta, igreja, fotógrafo e música e conhecermos os valores associados, ainda não pensamos num valor total que não possamos ultrapassar. Vai ser literalmente o que tiver que ser. Contudo, somos conscientes e quando no ano passado a minha colega casou e eu disse que gastar 21mil euros num casamento é surreal, mantenho a posição que é demasiado dinheiro, mas hoje percebo também que é demasiado fácil chegar a estes valores.

Não tencionamos nos privar de nada do que considerarmos importante, mas também estamos a fazer por gerir muito bem as escolhas e os orçamentos. Gerir de tal ordem que espero não achar que fui forreta demais num ou noutro aspecto, quando podia perfeitamente não o ser.

Estamos a escolher tudo ao nosso gosto, mas estamos a ser conscientes e a manter os pés bem assentes no chão, de ordem a mantermos as despesas ao mínimo dentro dos nossos critérios. Não estamos a ser diferentes do que sempre fomos e é por isso que gosto "de nós".



quarta-feira, 21 de agosto de 2019

We're engaged!

love, couple, and wedding image

 Foi todo um processo difícil de digerir.  
 A gestão de expectativas foi uma luta, luta porque não me sentia confortável a morar junto e o namorado sabia, luta porque o namorado dizia que queria casar mas nunca nada acontecia, de facto. Luta até quando ele pediu, para me assegurar que ele estava a fazer isto pelos motivos certos.


O pedido foi em Gaia, no Jardim do Morro, ao pôr do sol, com aquela luz incrível sobre o Porto.

O namorado que deixa tudo para a última é agora o que com a questão do casamento é o primeiro a ver lembranças, querer marcar fotográfico, participar da decoração. Ele sempre disse que queria fazer parte do processo e está a cumpri-lo, de facto, com o mesmo entusiasmo que eu.

De mencionar que tivemos 15 dias de férias que foram exclusivamente para estar com a família e tratar de detalhes como igreja, quinta, fotógrafos, convites, por isso nem uma unha na areia, nem na piscina, nem em outro local que incite relaxamento.

Se  estive mais ausente estes tempos, não se preocupem que estou de volta. Isto de casar rende posts que não acabam mais, sobretudo pelo preço hiperinflacionado das coisas, mas são contas para outros post's.

Até 2020 vamos estar assim, em preparativos!




terça-feira, 23 de julho de 2019

Fuck.

Está a ser o funeral da mãe da minha melhor amiga da adolescência e eu estou de coração partido. Estou a 150kms e o trabalho não me permitiu ir, mas o meu pensamento está com eles.
Com um marido que fica viúvo aos 50, com duas filhas que não vão ter a mãe no casamento, cujos filhos não conhecerão a avó materna, com a senhora que vi ainda no sábado, nas festas lá da terra, sempre sorridente, com a família.

A mãe da minha amiga era jovem, eram dos pais mais jovens que tinhamos na nossa turma, ela era gira, loira e estava sempre a sorrir. Era das poucas mães que tinham carta de condução e levava-nos de boleia sempre que era preciso. Não consigo pensar no propósito disto tudo, não consigo superar que haja pessoas tão más que, no mesmo dia em que ela morreu, incendeiam florestas, deixam feridos, mortos e desalojados e sigam contentes e com saúde com as suas vidas de merda, glorificando-se pelo mal que causaram.

Ao crescer essa minha amiga foi a irmã com quem eu partilhava tudo e apesar do tempo e da vida nos ter levado para longe uma da outra e termos perdido o contacto hoje liguei-lhe e chorei com ela.


Fuck.

segunda-feira, 22 de julho de 2019

Como lhes explicar que...

Convidaram o meu namorado para uma partida de futebol de praia... em Chaves.

... (ahahah)
... (ahahah)
... (ahahah)

Ora nem imaginam o esforço que eu faço para não gozar com a situação, mas marcar um jogo de futebol de praia em Chaves é como marcar uma caminhada de montanha em Ferreira do Alentejo ou uma ida para ver neve em Quarteira...

quarta-feira, 10 de julho de 2019

[...]

Quando aceitei este trabalho, na cidade onde estava o meu namorado, deixei bem claro que não queria morar junto. Nunca quis, não era novidade para ninguém.
Por circunstâncias várias foi exatamente o que aconteceu. Continuo nada confortável com a decisão que tomamos, mas dei tempo ao namorado, que na data achava precipitado nos casarmos mas que achava que devíamos morar juntos, dei tempo para amadurecermos a situação, para estabilizarmos a nossa vida e tomarmos o próximo passo posteriormente, com calma e respeitando o tempo dele.
Contudo, ele sabe que não gosto de viver assim, que me incomoda, que não é aquilo que eu acredito.
Passaram quase 3 anos desde que mudei de cidade, que mudei para vir atrás dele. 3 anos de 9 de namoro e nada. 
Não sinto que esta seja uma situação justa para mim. Não se pode dizer que não dei tempo ao tempo. Se ele não quer não posso forçar, mas também não posso ficar numa situação ad eternum que discordo, que não vai de encontro com aquilo que acredito.

terça-feira, 9 de julho de 2019

No outro dia

Fiz a cama à pressa, numa ida a casa na hora do almoço.
Quando íamos dormir vira-se o namorado 

Ele (indignado): "então? mas isto é assim? a cama não foi feita em condições, ainda está aqui a minha marca no lençol!!!
Eu: E a marca ser tua já tens muita sorte!  xD. 



Ora que é preciso ter paciência.  
Devia era dar graças, da forma como este mundo anda não ser a do vizinho do 3º andar xD 

sábado, 6 de julho de 2019

Mamoplastia

fashion, outfit, and style image

Debati-me seriamente sobre se devia ou não fazer esta cirurgia.
Por um lado, nunca tinha feito nenhuma, estou familiarizada com programas como o Botched (que para quem não sabe é sobre cirurgias que correram mal, muito mal), estou ciente que o mais importante é a minha saúde e colocar-me em risco por algo estético parece-me sempre uma decisão fútil. Sou da área, não há nada que importe mais do que a saúde. Por outro lado, sempre tive a noção de que se pudesse e dinheiro não fosse um problema já teria feito, sendo que hoje em dia toda a gente tem e parece que foi só uma ida ali ao dentista, sem importância nenhuma e sem dramatizar nada a nível de risco. Tendo em consideração as mulheres que têm, parece banal. As "meninas" da casa dos segredos davam ideia que hoje punham silicone e amanhã estavam a fazer uma presença em Freixo de Espada à Cinta como se nada fosse. Já com mega decotes até ao umbigo.

O meu objetivo nunca foi esse, a minha profissão exige de mim uma postura séria e recatada, não visto um tipo de roupa que seja extravagante nem que dê super nas vistas, não estou habituada a grandes decotes, por isso foi uma questão mais pessoal, para me sentir bem.

É uma decisão que deve ser tomada em consciência. A jovem do meu trabalho com quem eu falei disse-me expressamente que o médico sugeriu um tamanho menor, mas que ela fez tudo o que conseguiu para colocar mais do que o recomendado, claro que ela hoje percebe que uma prótese muito grande faz peso, claro que a gravidade atua, por isso deve-se conseguir ver para além do óbvio e da fervorosa e imediata vontade em colocar. Deve ser algo ponderado.

Sinto confiança na equipa que me seguiu, na enorme experiência do médico que me operou e espero ser um caso de sucesso. 

Se há pessoas com esta dúvida nada melhor do que procurar aconselhamento médico, o meu faz essa consulta gratuita, eu levava uma lista de perguntas no telemóvel mas nem precisei de me socorrer dele, porque o médico explicou tudo, mas mesmo que vão a outro espaço considero que é válido pagar consulta e esclarecer as dúvidas que se tem.

Fiz a cirurgia na quinta e na segunda já estava apta a trabalhar e a conduzir com cautela, aqui também deve depender do tipo de trabalho que se possa ter. Pelo que me disseram há meninas já a conduzir no dia a seguir. Não babes, isso para mim não dava.

É imprescendível não se estar sozinha nos dois dias seguintes, o meu namorado foi impecável e não me deixou mexer uma palha, para que eu recuperasse bem.

No meu trabalho ninguém reparou em nada, tirando a minha chefe que é a única que sabe. Disse-me logo "se fosse eu punha mais", mas acreditem que ela diz isso porque com roupa ficou super discreto, sei que ninguém se apercebeu e só perceberão se as pessoas me conhecerem bem. Eu disse-lhe prontamente "por mim até tinha posto menos", porque lá está... eu não preciso de um super peito apenas proporcional que é o que tenho agora e que a mim, sem roupa, me parece gigante.

Fiquei farta dos soutians com enchimento, que fazem um calor no verão, de não poder usar um vestido aberto das costas porque depois ficava mal na frente, de na vida toda só ter tido 2 ou 3 bikinis, porque é algo que não me interessava comprar. E estava farta de comparar e de perceber que pronto a realidade é esta "deal with it".

Foram 3000€ a pronto, mas eles têm financiamento, foi numa clínica no Porto, não se paga consulta de avaliação e o médico responde a tu-do prontamente, coloquei 280ml que foi exatamente o combinado com o médico. A recuperação foi rápida, tendo em conta que estamos a falar de uma cirurgia. 

A minha sugestão é: só temos uma vida, né? que nem sabemos se pode acabar já amanhã, por isso ninguém deve viver miseravelmente. Temos mais é que ser felizes e eu, que não me consegui aceitar, não consegui aceitar que toda a gente tem naturalmente aquilo que eu não tinha e que também devia ter e digo isto de "não me consegui aceitar" porque caso contrário não teria este pensamento de colocar ou não de forma regular, estes avanços e recuos ao longo de 28 anos, esta insatisfação permanente. Em 28 anos dá tempo de tentarmos, voltarmos a tentar, aceitarmos e vivermos pacificamente, que não foi o caso, por isso não foi algo por impulso, não foi algo inconsequente. Foi algo que eu espero que valha a pena. Foi algo de mim, para mim.

quinta-feira, 4 de julho de 2019

Habemus mamocas novas

Image by anigurdler

Faz uma semana que fiz a cirurgia de aumento mamário.

Há uma semana atrás acordei as 6h da manhã tomei um chá e comi 2 bolachas de água e sal.
Seguimos para o Porto, para a clínica, onde a equipa que me recebeu super bem, com um cuidado e carinho enorme. Perceberam o meu nervosismo e encheram-me de cuidados, tentaram distrair-me o mais possível, só tenho a dizer bem. Tive alta às 15h em que vim para casa e no dia seguinte voltei para o médico me ver e para retirar os pensos.
Passou uma semana, estou viva, que é sempre uma preocupação. Eu fui provavelmente das piores pacientes, fiz mil questões, expliquei mil receios, enfim. Tive sonhos, sobressaltos, dúvidas existenciais e nem parece real que, de facto, tive coragem e fiz a cirurgia.

segunda-feira, 1 de julho de 2019

Habemus Bimby!

Image by peri_97

A mãe do namorado ofereceu-nos a Bimby dela.
Na segunda vez que a usei pensei que tinha morto a Bimby porque apareceu um erro e tivemos que a levar à loja. Como já não está na garantia fiquei a pensar que ia ser um balúrdio.
Aparentemente era preciso atualizar o software e ficou tudo ok.
A pen das receitas é que desmagnetizou por falta de uso, estamos a ponderar se vale a pena comprarmos a nova que liga à internet. Por enquanto andamos em experiências. A ver, a ver. 

domingo, 23 de junho de 2019

Malta 2019

Imagem relacionada

Imagem relacionada

Voltamos. Malta é, sem dúvida, um destino de férias. Se quiserem calor, ilhas lindas de morrer, praias de um azul absolutamente transparente e cheias encantos naturais então Malta é uma boa aposta. Uma coisa é garantida: as fotos não precisam de filtros.

Flickr Images