quinta-feira, 2 de agosto de 2012

Perder a fé.



Há dias em que perco um bocadinho mais de fé nas pessoas.
As acções despretensiosas são já uma coisa rara, as traições são capa de jornais, todos os dias, as relações que não resultam são o pão nosso de cada dia. Os casamentos são, cada vez mais, contratos que se assinam. O amor está a prazo. Leio, todos os dias, relatos de traições e pessoas que se vangloriam não só por isso, mas sobretudo pela outra pessoa não saber. O vizinho do lado, pacato e sereno, que era, na realidade, um pedófilo. Há pessoas a matarem outras, porque sim e porque não. Pessoas que, sem nada melhor para fazer, se lembram e incendeiam milhares de hectares, que matam pessoas, que sacrificam bombeiros, que destroem casas, pior.. lares.

Não sei se sempre foi assim, mas acho que encontrar verdadeiras boas pessoas, hoje em dia, é um achado. 

5 comentários:

Dri disse...

Antes de mais, adoro ler o que escreves, fico sempre com o sorriso nos lábios quando não é uma verdadeira gargalhada...obrigada.
Em relação ao perder a fé nas pessoas tenho de concordar contigo, acho que os valores da sociedade onde vivemos agora são apenas materiais e muito egoístas, as pessoas são maioritariamente egocêntricas , egoístas e há também muito aquilo da falsidade, do quererem mostrar mas depois vais a ver e não é nada assim...já não há pessoas puras nem valores como amizade e altruísmo.

EscritaDela disse...

Que triste que é saber que realmente isso é tudo verdade, a maldade está tão presente que parece que é a regra hoje em dia.

S* disse...

Infelizmente as pessoas são muito egoístas.

Ju disse...

Tens toda a razão, parece que isto está cada vez pior...

Maria Pitufa disse...

Sempre foi assim...simplesmente era tudo calado e escondido!!
Mas ainda há muita gente boa neste momento!

Flickr Images