quinta-feira, 9 de maio de 2013

Diários da Queima

 
A chuva não é fixe. Stop.
No cortejo choveu que nem um raio. Stop.
Fui das poucas que ficou com a cartola inteira, porque achei que não valia a pena estragar a dita com a chuva. Stop.
Ai meu deus, que vem ai mais uma fornada de futuros desempregado. Eu incluída. Stop.
Muito do pessoal lembrou-se de descer os Clérigos a correr (já referi que estava a chover?) e que fez com que uma data deles escorregasse, fazendo que os que viessem atrás caíssem também, assim tipo efeito dominó visualmente engraçado. Quem manda se armarem em parvos? Stop.
O namorado ofereceu-me o bilhete semanal da queima, o que faz dele o mais fixe de sempre. Stop.

4 comentários:

C.Spot disse...

Já fui tão feliz a descer os Clérigos a correr... :)

S* disse...

ahahah Esses malhos devem ter sido hilariantes.

Rita Vilaça disse...

Esta semana acaba o meu ano de caloira. Passa a correr :')
E agora venha o Enterro da Gata eheh

coisasmaiscoisas disse...

Queima com chuva ou queima com chuva é sempre queima. Mas eu cá não arrisquei descer os Clérigos a correr. Não este cortejo! Bom restinho de Queima!

Flickr Images