domingo, 8 de novembro de 2015

Obrigada!


Ontem passei pela experiência mais aterradora da minha vida.
Por uma falha no meu carro, que eu ainda não consegui perceber, acabei por ficar atravessada numa estrada, à noite, debaixo de uma ponte sem iluminação e eu própria sem luz no meu carro.
Já vi filmes de terror menos assustadores.
Vi-me no carro, sem luzes, sem o conseguir tirar do meio da estrada, com o volante bloqueado e a assistir aos carros, que naturalmente não contavam comigo no meio da estrada, a vir em direcção a mim. 
Não vi a minha vida toda à frente mas senti "É agora, não me escapo desta".
Por sorte vieram 3 pessoas que me ajudaram a avisar os carros e a tirar o carro do meio da estrada e depois acabei por conseguir pôr o carro a trabalhar. Não consegui foi agradecer aquelas pessoas que me ajudaram, mas sem elas não sei o que me teria acontecido.


Se, por um acaso do destino, me estiverem a ler: Obrigada! Não tenho como agradecer a vossa generosidade em me ajudar. Muito obrigada!

Sem eles hoje provavelmente estariam a ler que tinha desfeito o carro e que estava muito provavelmente a recuperar de um acidente. Quando percebi que estava bem e livre da situação percebi também que não invejava a sorte da minha colega que ontem tirou 20€ numa raspadinha. Eu que nunca ganhei nada de significativo senti-me verdadeiramente sortuda por estar bem.

2 comentários:

Russa Loirinha disse...

Ainda bem que estás bem! Felizmente que essas pessoas pararam para te ajudar!

Miss Purple disse...

E que sortuda mesmo! Ainda bem que ainda há pessoas assim :)

Flickr Images