domingo, 17 de abril de 2016

[Há tempos em que temos que romper com o passado, sob pena de não conseguirmos construir um futuro. Não há culpas a atribuir, apenas a certeza convicta de que não era para ser. Não faz mal errar, mas persistir no erro torna-nos cúmplices deste fado. Temos que estar conscientes, temos que ser conscientes e não reféns das situações.
Que o futuro dê lugar a algo melhor, que o karma faça o seu trabalho, que o futuro seja mais calmo e apaziguador.]

2 comentários:

Chocaolica Anónima disse...

Tudo o que eu precisava de ler hoje. Obrigada :)

lápis roído disse...

Tenho para mim que o fechar de um ciclo pode dar início a um muito melhor que o anterior. De qualquer das formas, nunca é bom quando algo termina abruptamente. Envolve sempre desilusão, frustram-se expectativas criadas no começo, ficam sempre mágoas. A minha solidariedade para contigo

Flickr Images