sexta-feira, 17 de junho de 2016

Pessoas que nunca deviam ser chamadas "mãe"

Esta semana vi uma capa de jornal que me deixou incrédula. Relatava o caso daquela senhora que estava com o seu namorado e decidiu que o facto de estar num parque público e com a filha ao lado não era impeditivo para ser uma besta.
Naaaa, não pode ser. Estes indivíduos querem é vender revistas, pensei eu.
Infelizmente o vídeo surgiu na net e, Cristo, como me arrependi de ter visto. É inacreditável. É surreal que haja pessoas assim, que infelizmente puderam ser mães.

Neste momento estou num comboio e há uma criança de 4 anos que não para de querer chamar a atenção da mãe que parece estática, parece que petrificou. Está a ler a revista Maria como se no artigo do Love on Top estivesse descrito o destino da humanidade. Não é capaz de acalmar o miúdo, de lhe dizer absolutamente nada. O miúdo questiona-lhe mil coisas e a senhora não se digna a fazer nada. É impressionante. Isto durante uma hora. Até que o miúdo lhe agarra na revista e aí tudo muda "não me rasgas a revista" e pronto é isto. Mata-te aí a chorar e a gritar não me estragues é a revista...

Hoje nas notícias vinha uma senhora que se atirou de uma ponte com um filho.

Estas pessoas andam todas loucas é impossível. Se em vez de terem filhos se decidissem cuidar de uma planta ou de um animal faziam melhor.



5 comentários:

Anjopoesia Anp disse...

ESSE MUNDO ESTÁ TÃO CONTURBADO, tão sem noção, sem amor, as pessoas querem ser o centro de tudo, não se importando com filhos, com o ser humano, iremos ver ainda muita coisa ruim nesse mundo só porque o coração é despojado de um punhadinho de amor, gostei da sua revolta, realmente não podemos deixar que a dureza tome conta dos corações...beijos

Cláudia M disse...

Concordo a 100%. Acho que anda tudo doido. Há pessoas que querem tanto ser mãe e não conseguem, e depois há outras que de mães não têm nada.

Um beijinho

Margot disse...

se alguém não "deve" ser mãe, para mim também não devia "poder" ter animais...

asminhasquixotadas disse...

Não, de um animal não! Se são assim com crianças, não serão melhores com animais. Gente idiota.

*Nightwish* disse...

Acho que essas "pessoas" nem teriam vocação para tratar de um animal ou de uma couve. "Pessoas" assim são tão mal formadas, que nunca deveriam reproduzir-se ou passar os seus ensinamentos (ensinamentos?!?!) a outro ser, humano, animal ou vegetal.
****

Flickr Images