quarta-feira, 10 de setembro de 2014

Nós, os ouvintes.



Acabei de vir de uma formação em Língua Gestual.
Vim de lá estarrecida com as barreiras com que um surdo está sujeito. Acho que nós, ouvintes, nem temos real noção da maioria delas. Fiquei muito mais ciente e sensibilizada para além de aprender a gesticular umas coisinhas.

Fez-me bem.

6 comentários:

Carla Pereira disse...

É uma língua linda, não é? Sou licenciada em Língua Gestual Portuguesa porque me apaixonei completamente pela língua. Mas é frustrante ver as barreiras que ainda existem, por vezes, dentro das próprias famílias... Espero que tenhas ficado com o "bichinho" e queiras aprender mais e mais :)

Miss Purple disse...

Nem dá para imaginar as barreiras que existem...

Eva Luna disse...

Gostei muito :)

Carla Pereira disse...

:)

A Pimenta* disse...

Sempre achei essa área super interessante. E sim, sem dúvida que uma pessoa nem se lembra das barreiras imensas que uma pessoa surda tem de sofrer na pele!

Petra disse...

Sou invisual, e tenho a certeza que os surdos enfrentam bem mais barreiras do que os cegos... Essas formações são sempre muito interessantes e produtivas!

Flickr Images